8 de September de 2006   —   03:15:55
Aula de economia: comendo bem e gastando menos


Essa foto não dá vontade de comer pão de queijo?

Há um tempo eu percebi que eu estava gastando um bocado com comida na rua. Quando eu digo comida, entenda que são aqueles lanchinhos que a gente faz por aí: aquele sanduíche ou aquela coxinha gordurosa que você come na cantina da sua faculdade ou aquele risole que faz o óleo escorrer pelo canto da boca, mas que é difícil de largar.

Imagine que um salgado supostamente decente nossa conhecida coxinha, por exemplo e um refrigerante saem por cerca de R$ 2,50. Agora imagine você fazendo essa refeição duas vezes por dia. Teremos 5 reais. Por semana, temos 25 reais! Por mês, já pula pra 100 dinheiros!

Foi então que procurei uma solução barata pra isso. Nos supermercados, temos saquinhos com 20 pães de queijo, entre R$ 2,50 (não muito gostosos, mas comíveis) até uns R$ 4,50. Supondo os pães de queijo num tamanho razoável, e você comendo 6 pães de queijo por refeição e fazendo 10 refeições por semana. Temos 60 pães de queijo, o que dá 3 pacotes de pão de queijo por semana (acompanhou a conta?). Se você comprar um pacotinho de 3 reais, vai gastar 9 reais com comida por semana. Se a coxinha custava 1,30, serão 4 reais a menos, 16 reais a menos em 4 semanas. O pão de queijo pode ficar no forno enquanto você toma banho pra sair de manhã (cuidado pra não queimar), e bem armazenados num depósito estarão ótimos à tarde, embora frios.

Uma latinha de refrigerante, num supermercado, pode ser achada por cerca de 90 centavos. Nas cantinas da vida, temos por R$ 1,30, até mesmo R$ 1,50. Usando o princípio das 10 refeições semanais, teremos um custo de R$ 13,00 na sua cantina favorita e R$ 9,00 no supermercado, e novamente uma economia de 4 reais por semana, e de 16 reais em 4 semanas. Somando com a economia dos pães de queijo, já temos 32 reais a menos por mês nos seus gastos. E lembre que se você colocar uma lata de refrigerante no congelador umas duas horas antes de sair de casa, ela pode durar muito bem 3 horas depois. E até mesmo minha antiga senzala (o estágio de onde me demiti) tinha uma geladeira pros escravos.

Eu usei por um bom tempo o cálculo do pão de queijo, até que chegou o dia em que eu não aguentava mais pão de queijo. Mas aí eu descobri que você pode comprar um saco de pão de forma pequeno (o saco grande vai mofar na metade!) e muito bom por R$ 1,50, e fazer uns 5 sanduíches com ele. Como são 10 refeições por semana, você pode comprar 2 pacotes por semana, o que dá cerca de 3 reais. E pode comprar presunto e queijo, e um pote de maionese, se não quiser usar a margarina que todo mundo tem em casa, e continuar economizando. Se quiser cortar os gastos mais ainda, troque o presunto por mortadela. Talvez saia ainda mais em conta que os pães de queijo, mas já exigem mais trabalho pra preparar.


Ruth Lemos recomenda o sanduíche-íche

Você pode não ter a praticidade da sua gordurosa coxinha pronta (e vai ter menos daquele gostinho de gordura trans), mas é no mínimo mais barato e às vezes mais saudável. E você pode comprar uma garrafinha térmica e levar suco, ou até mesmo uma garrafa comum, e deixar o suco no congelador de casa, previamente preparado na noite anterior, sem risco de explodir. Se você ainda mora com os pais e for esperto, ainda pode comprar os ingredientes quando sua família for fazer compras e evitar gastar o seu dinheiro, e ter 100% de economia. 😀

Se você quiser gastar menos também no almoço, pode comprar uma marmita térmica e levar sua comida pros cantos. Já vi uma num supermercado Pão de Açúcar por vinte e alguns dinheiros, era só pôr a comida dentro e ligar na tomada. Isso vai render uma bruta economia no almoço e uma grande fama de farofeiro, mas já exige que você tenha comida pronta em casa de manhã.

Seu intestino e seu bolso agradecem. 🙂 Faça suas contas.

  1. kataoka says:

    minhas economias vão tudinho pro bandejão mais ou menos do fórum [e ainda tem que correr pra pegar coisa "boa"]. mas, pelo menos, é 89 centavos 100 gramas. ajuda, né?

  2. Bia says:

    kakaka!!!Devia ter um decreto proibindo coisas gostosas em cantina… só assim parava de gastar os tais dos 100 reais em colesterol. Um adendo: estudar engorda.=P

Leave a Reply to Isa Cancel reply

Your email address will not be published.

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.